segunda-feira, 3 de setembro de 2018

Museu Nacional, antigo Museu Real



Acompanhei com desgosto e comoção o incêndio que destruiu  o Palácio Imperial 
da Quinta da Boa Vista,no Rio de Janeiro.
_Um dos maiores museus da História Natural e de Antropologia das Américas
 fundado por D.João VI_Rei do Reino Unido de Portugal ,Brasil e Algarves.
em 1818.

( registros da net _ para não esquecer_  domingo, 2 de setembro.2018)

11 comentários:

  1. Boa noite, querida amiga Lis!
    Uma pena imensa! Estive lá recentemente e estava lindo.
    Estamos mais queimados ainda pelo mundo agora, só que, neste caso, vai no âmago do nosso ser, não faz parte só da história, mas da nossa própria.
    Tenha nova semana feliz e abençoada!
    Bjm fraterno e carinhoso de paz e bem

    ResponderExcluir
  2. Tristeza enorme e indignação e revolta! Bjs chica😔😔😔😔

    ResponderExcluir
  3. Minha querida Lisamiga

    Dói-me o coração c om esta dramática notícia pois estive de visita a este magnífico museu. A História do Brasil e a de Portugal que se confundem e entrelinham desde o tempo do Pedro Álvares Cabral ali estava documentada profusamente. Mas não só. Antes da chegada dos portugueses a Porto Seguro já o Brasil tinha História e ela também estava representada no museu, talvez fosse mesmo o mais importante da América do Sul sob a perspectiva dos ameríndios.

    O ministro da Cultura Luís Filipe Castro Mendes já pôs Portugal ao dispor do Brasil para o que possamos ajudar face a tal calamidade.

    Agora vai começar a balalaica das investigações sobre como começou o incêndio, quem teve a culpa dele, quais os alegados motivos porque aconteceu, por que razões não havia água nas bocas de incêndio e eram duas, enfim uma ladainha que à boa maneira brasileira (ela também herdada da portuguesa) se vai arrastar no tempo para no fim dar nada!...

    Muitos qjs deste teu amigo
    Henrique, o Leãozão

    AVISO

    Já se encontra na Nossa Travessa o episódio n.º 12 da saga É DIFÍCIL VIVER COM UM IRMÃO MONGOLÓIDE cujo título é Entre dois dias: um louco amor e um suicídio. Tenho de avisar que ele contem cenas eventualmente chocantes por serem eróticas que podem ferir pessoas puritanas ou mesmo falsas puritanas.

    ResponderExcluir
  4. Vimos nas notícias. Uma grande tristeza!

    O tempo é tão pouco...
    Beijos e um excelente dia!

    ResponderExcluir
  5. I like your blog, which help promote your blog and
    we hope that your blog is being updated.
    Royal1688

    ResponderExcluir
  6. Para mim, que estou do lado de cá, assisti com horror e profundamente consternada a esta tragédia.
    Não foi só o Brasil que perdeu, foi o mundo todo

    Meu abraço sentido para você Lis

    ResponderExcluir
  7. muita revolta Lis que essas tragédias possam acontecer nos nossos dias, com toda a técnica que temos, sensores, camaras, por tudo o que é sitio e quando fazem falta, não aparecem,
    parece que o foto está à disposição da maldade humana, mais forte do que nunca :(
    ficamos tristes, a incúria cresce por todo o mundo, é revoltante,
    abraço grande

    ResponderExcluir
  8. Consternação!
    É uma perda irreparável!

    Um abraço solidário Lis
    💙

    ResponderExcluir
  9. Lamentável.
    Mas não pense que esse é um "problema" (falta de manutenção e de cuidado com os elementos históricos) somente brasileiro. Penso que por aqui, os nossos museus ainda não arderam, por pura sorte. Porque muitos deles sofrem do mesmo mal.

    ResponderExcluir
  10. Foi trágico, de facto! Um património cultural irreparável!... Mas às vezes... só um acontecimento assim, para evitar outros...
    Aqui em Portugal, no momento, abateu-se uma estrada, que já ameaçava derrocada há anos... supõem-se ter havido pelo menos 5 mortos, pois ainda andam procurando os desaparecidos, no fundo de uma pedreira... foi preciso este acontecimento, para se começar a fazer uma avaliação de outras estradas, em igualdade de circunstâncias... é sempre assim... só depois de alguma tragédia... é que finalmente, algo muda...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderExcluir